Para receber as atualizações é muito simples! Basta colocar seu e-mail no campo abaixo!

domingo, 20 de fevereiro de 2011

Fotografias da Guerra do Paraguai - Parte III

Por Luiz Eduardo Silva Parreira

A Guerra do Paraguai foi o maior conflito que já ocorreu na América do Sul. O Paraguai perdeu essa guerra e - coisa que muita gente esquece - foi ele quem a começou, agredindo ao mesmo tempo o Brasil, a Argentina e o Uruguai.

No Brasil, além do ataque ao Forte de Coimbra, ainda chegou a Corumbá, Coxim, Bela Vista e Nioaque (dividiu o que é hoje o Estado do Mato Grosso do Sul ao meio)!

Jogou pesado e perdeu. Sua capital foi invadida e parte de seu território perdido para os ganhadores. 

Com efeito, não se pode esquecer que o soldado paraguaio lutou bravamente e houve momentos em que os aliados do Brasil pensaram em desistir! Ou seja, não houve "coitadinho" nesse conflito. O Paraguai - mesmo ousado e bem treinado - arriscou muito querendo sobrepujar 3 países ao mesmo tempo, sendo dois bem maiores - mais populosos e mais ricos - que ele!

Enfim, quem mais errou, perdeu. E o erro do Paraguai foi ter começado.  

Um excelente documentário sobre a Guerra do Paraguai pode ser visto aqui:




Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias.
Fonte: Wikipedia Commons

Campamento aliado durante la Guerra de la Triple Alianza.
Fotografía tomada por Javier López de Bate y Ca. en el Paraguay.
Fonte: Photobucket.com


Batallón Boquerón abriendo fuego - Bate & Cia.
La imagén muestra una escena de los combatientes aliados en territorio paraguayo.
Fonte: Fotos de la Guerra de la Triple Alianza by SkyScraper



Durante la ocupación de Asunción por los aliados en 1870, en el Palacio de López, flameaba en lo alto el pabellón imperial Brasileño.


Legión paraguaya bajo las órdenes del coronel Federico Báez. Fonte: Taringa

Esta imagen refleja daños que parecen de la guerra moderna, pero es la iglesia de Paysandú en 1865 bombardeada por la escuadra brasileña en la Guerra del Paraguay.
Fonte: Che Genetic


Soldados após a passagem de Paissandú.
Fonte: Histarmar


Imagem do livro “La Guerra Grande: Imágenes de una epopeya” - Fonte: ABC Digital






Interior da igreja de Humaitá, após bombardeio brasileiro.
Fonte: SkyCraper


Concepção artística de como era a igreja de Humaita.
Fonte:  SkyCraper

Situação da igreja de Humaitá, depois do ataque brasileiro.


Barranca de Humaitá.

1869. La Guerra de la Triple Alianza.
Retrato del 2º Escuadrón de Artillería Oriental en Asunción. Albúmina.
Fonte: SkyCraper



Imagen de un hospital paraguayo.
Fonte: Arindabo

Flag Counter Flag Counter

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.